Porto Seguro

É neste solo, no sul da Bahia, que os portugueses pisaram pela primeira vez ao chegarem ao Brasil. E são nestas águas, que milhares de turistas se refrescam o ano todo sob o sol brilhante de Porto Seguro.

Um orla de mais de 80 quilômetros com praias de areia fina, recifes de corais e piscinas encanta pelas suas belezas naturais. Para os que gostam de mais agito, Taperapuã é o destino, já quem busca tranquilidade o simpático Arraial d´Ajuda e a rústica vila de Trancoso são lugares ideais. Basta atravessar de balsa o Rio Buranhém para encontrar estes pedaços de paraíso com suas casinhas coloridas e redes que convidam a relaxar.

Aliás, o agito não está só de dia nas praias, mas 24 horas. Antes de cair na balada das agitadas casas noturnas, a noite começa com o burburinho da Passarela do Álcool, um complexo que reúne, bares, restaurantes típicos (geralmente carregados na pimenta!) e lojas para se fazer compras, muitas compras. E para quem prefere adquirir o artesanato da região, produzido pelos índios pataxós e comercializado na praia De Coroa Vermelha, no distrito de Cabrália. São peças de decoração e acessórios totalmente artesanais produzidos com bambu, madeira, argila, sementes e pena.

Mas Porto Seguro não guarda bem apenas o seu patrimônio natural, as riquezas culturais e arquitetônicas de seu passado estão muito bem preservadas em museus e prédios históricos, conferindo à cidade os títulos de Patrimônio Histórico Nacional e de Patrimônio Natural da Humanidade. Por isso, visitar o sítio histórico da Cidade Alta é um programa que não se pode deixar de fazer.

Quanto à rede hoteleira, podemos dizer que é infraestrutura é melhor no litoral norte, com hotéis em Porto Seguro de nível internacional, mas o litoral sul também está implantando medidas para não ficar atrás. São diversos hotéis de luxo e numerosas pousadas, que são menores, mas ainda assim de boa qualidade.

Pousadas e Hotéis em Porto Seguro

Fotos de Porto Seguro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *